A organização do campeonato do Mundo de futebol feminino de 2027 vai ser disputada por quatro candidaturas, revelou hoje a FIFA, dias depois da dupla Estados Unidos-México se ter juntado à corrida.

O trio europeu composto por Alemanha, Bélgica e Países Baixos, o sul-americano Brasil e a africana África do Sul completam o quarteto apostado em receber o evento, cujo vencedor será conhecido no congresso da FIFA em votação pública, com as mais de 200 federações, a realizar em 17 de maio de 2024.

As candidaturas têm até ao próximo 19 de maio para serem formalizadas e todo o processo deve estar entregue até 08 de dezembro.

“Boa parte das candidaturas é proveniente de países com arraigada tradição futebolística. E são oriundas de quatro confederações distintas, o que confirma a popularidade uniforme do futebol feminino em todo o planeta”, congratulou-se a secretária-geral da FIFA, Fatma Samoura.

A dirigente garantiu ainda que o processo de apresentação de candidaturas será “o mais sólido e extenso da história do campeonato do Mundo de futebol feminino da FIFA”.

Os concorrentes são provenientes dos organizadores de vários dos mundiais masculinos, como a Alemanha2006, o Brasil2014 e Estados Unidos e México, que vão receber a competição em 2026, juntamente com o Canadá.

Este ano, o campeonato do Mundo, que vai contar, pela primeira vez, com Portugal, vai ser organizado pela Austrália e Nova Zelândia, entre 20 de julho e 20 de agosto.

Será a primeira edição a ser disputada por 32 seleções, depois do França2019 ter tido 24 formações, com os Estados Unidos a conquistar o título.

 

Lusa

Foto: Pexels/Noelle Otto

Please follow and like us:
error22
fb-share-icon52
Tweet 26
fb-share-icon20